Por que o inverno é a melhor estação para construir uma piscina?

construir uma piscina

Todo mundo quando pensa em piscina já imagina uma tarde ensolarada, quente, de altas temperaturas. Mas porque não pensar nela no inverno? Isso mesmo! Ou pelo menos em pensar em construir uma piscina. 

Isso porque construir demanda um planejamento e tempo para que a obra seja executada. Fazer isso no inverno faz com que você possa usufruir dela na primavera e no verão, quando as temperaturas estão altas.

Mas não é só por isso! Confira no nosso post os benefícios de se construir uma piscina na estação mais fria do ano e faça seu planejamento.

Por que construir uma piscina no inverno? Quais as vantagens?

As pessoas que querem um corpo em forma sempre planejam no inverno o “projeto verão”. Para construir uma piscina, você também pode planejar, projetar e executar a obra para curtir as altas temperaturas. 

Esta época do ano é considerada perfeita, seja pela mão de obra mais disponível e os produtos também mais em conta, mas por outras séries de fatores, como:

  • Falta de chuvas: o inverno em boa parte do Brasil, além de pouco frio, é muito seco, sem chuvas. Isso é ideal para obras em áreas abertas, como a construção de piscina. Nesta época a obra não para por causa da chuva.
  • Mão de obra: nesta época a maioria das pessoas não pensa em piscinas, então, não planejam construir. Por isso, é mais fácil encontrar mão de obra qualificada para colocar o projeto em prática. 
  • Produtos baratos: os produtos que envolvem a construção da piscina, principalmente ela própria, costumam ficar mais baratos no inverno. Isso é por causa da sazonalidade, como o ar-condicionado, que é mais caro no verão. 
  • Área de lazer: até mesmo no inverno o uso da área de lazer em casa é menos frequente por causa do frio. Então não terá problemas ‘interditá-la para obras’.

Outro ponto interessante é que, como a sua piscina ficará pronta para o calor, não haverá necessidade de gastar com o aquecimento da água, podendo ser um investimento para o próximo inverno. 

Quais são os cuidados que devem ser tomados?

Agora, toda obra, ainda mais em uma casa habitada, necessita de cuidados, principalmente antes de iniciar a quebradeira. Por isso, é importante se atentar a vários passos. Confira quais são eles:

  • Projeto da piscina: é o primeiro passo antes de começar qualquer obra. Escolha o local ideal onde ficará sua piscina, defina o tamanho do espaço e da piscina e se o local receberá muito sol, por exemplo. Importante contar com ajuda de um profissional especializado.  
  • Escavação: depois do projeto pronto é hora de fazer o buraco para a piscina, que pode ser feito manualmente ou com ajuda de máquinas. No local, será feita a estrutura para a chegada da piscina. Cuidado com o nivelamento do solo nesta etapa.
  • Encanamento: no projeto, é muito importante ter todo o projeto do encanamento, como o sistema de filtração, suprimento de água e drenagem da água que sai da piscina durante o uso. Além disso, muito importante planejar a casa de máquinas, onde irá o filtro. 
  • Eletricidade: assim como o encanamento é importante, a eletricidade também é, principalmente para alimentar a bomba para a filtragem da água. Se a sua piscina tiver iluminação, é preciso pensar no sistema elétrico dela também. 
  • Revestimentos: escolher um piso ideal, que não escorregue quando estiver molhado. Com a piscina de fibra de vidro, não é preciso pensar no revestimento da piscina, ganhando tempo e economizando. 

Como escolher a melhor piscina?

Outro ponto importante na hora de construir uma piscina é pensar em qual será o tipo de piscina e como escolher a melhor. Existem basicamente três tipos de piscina no mercado:

  1. Alvenaria: é o tipo de piscina mais caro, mas você poderá decidir sobre a forma, a profundidade, o tamanho e o revestimento que usará. É uma obra mais demorada e há maior chance de vazamento. 
  2. Fibra de vidro:  são modelos de piscinas pré-fabricados e, apesar de o fabricante escolher o formato, já existe hoje em dia uma boa variedade de modelos. A instalação dela é muito mais fácil e rápida do que a de alvenaria. O investimento é menor em outros produtos, como concreto.  Elas são bem resistentes a vazamentos e mais fáceis de limpar. 
  3. Vinil: são piscinas feitas em um tipo de caixa de alvenaria. É como se fosse uma piscina de alvenaria, mas é o vinil que reveste a caixa. O custo é mais baixo do que a de alvenaria e a desvantagem é que o vinil não resiste a objetos cortantes. Mas é importante destacar que objeto cortante não é indicado em nenhuma piscina.

Se você busca uma piscina de fibra de vidro de qualidade e tradição, a iGUi tem vários modelos e formatos para você escolher. A empresa tem 25 anos de tradição e é líder mundial na fabricação de piscinas de fibra de vidro.

Aliás, nossas franquias crescem a cada ano, com mil unidades espalhadas por vários países. Se você busca fazer um investimento e quer conhecer o setor de piscina, preencha nosso formulário que vamos entrar em contato com você!

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Populares

Posts que você também pode gostar

Não perca nenhuma novidade!

Cadastre-se e receba nosso conteúdo.

Blog iGUi

A iGUi é considerada a maior marca de piscinas do mundo. Nosso trabalho leva o melhor da tecnologia para fabricação de piscinas, unindo sustentabilidade e conservação para trazer excelência e satisfação para todas as pessoas.

Contato

0800 777 4484